Futuro? Que futuro?

Por Paulo Cavalcante Este processo de deposição de uma presidenta da República eleita democraticamente não é apenas a revanche concebida após a derrota em 2014. Não é apenas ilegal, pois não há ato da presidenta cometendo crime de responsabilidade.

O golpe do parlamentarismo na prática

Por Paulo Cavalcante Hoje, no dia do trabalhador, a matéria de capa da folha golpista diz que o vice golpista, Temer, terá base parlamentar para alterar a Constituição. Agora, vejam só, a eleição de 2014 foi disputadíssima, cheia de falsos aliados e puladas de cerca. Dilma obteve 54,4 milhões de votos (51,64%) enquanto Aécio alcançou…

O JOGO DOS SETE ERROS – 1964-2016

Por José Carlos Moreira da Silva Filho STF   Golpe de 1964   Na madrugada do dia 2 de abril, o Presidente do STF, Álvaro Ribeiro Moutinho da Costa, normalizou o golpe ao dizer que a tomada do poder pelos militares e a derrubada do Presidente João Goulart, eleito pelo voto popular, estavam de acordo…

Manifesto de Promotores, Juízes, Defensores e Advogados públicos pela Democracia

Às brasileiras e aos brasileiros, Às Senadoras e aos Senadores da República Federativa do Brasil, Os abaixo-assinados, membros do Ministério Público brasileiro, membros da AJD – Associação Juízes pela Democracia, Magistradas e Magistrados, Defensoras e Defensores Públicos brasileiros e Advogadas e Advogados Públicos signatários e membros da APD – Associação Advogadas e Advogados Públicos para…