Faltam elegância e fidalguia

Por Denise Assis Há uma crise política no país. Isto, no entanto, não justifica que sejam esquecidos os princípios de civilidade e  elegância. Não há motivo para que o vice-presidente da República, que repudiou pelos jornais da imprensa estrangeira o papel de “golpista”, porte-se como um conspirador às escâncaras. E se assim não fosse, como…

O golpe foi dado

Por Marcio Tenenbaum “Tens ambição em ser rei, mas não tem a coragem de tomar as medidas necessárias” (Macbeth, Shakespeare) O golpe foi dado, mas será consolidado? O julgamento de Dilma pelo Senado Federal ocorrerá em, aproximadamente, 25 dias. Pelas informações que nos chegam, acrescentadas pelas antecipações de votos dos senadores e, acreditem, pelas manifestações…

O dia seguinte

Por Gisele Cittadino Depois de uma ressaca imensa, mas que foi devidamente curtida na companhia de muitos amigos queridos e igualmente entristecidos, algumas considerações sobre o indigno e infame – ou histórico, segundo a Rede Globo – dia 17 de abril:

O Brasil, agora, é de temer

Por Rogerio Dultra dos Santos Parecia um flash back. No mesmo cenário, o mesmo assunto, com alguns atores que se repetiam, a mesma pantomima de 24 anos atrás foi reencenada. Com direito aos mesmos Deus, família e propriedade. Em tudo, o pouco cuidado com o procedimento permaneceu. Da última vez, o Presidente, antes do término…

Razões do golpe à luz de Marx e Engels

Por Paulo Cavalcante O texto “As lutas de classes na França. de 1848 a 1850”, de Karl Marx, escrito em 1850, é um dos meus preferidos. Na Introdução que Engles preparou para edição de 1895, encontrei uma passagem que não só me deu o que pensar como fundamentou a minha conclusão sobre os governos do…

Obituário

Por Thomas Bustamante A comunidade jurídica e política brasileira, consternada, lamenta informar, no dia 15 de abril de 2016, às 01 h e 15 minutos, durante sessão extraordinária do Supremo Tribunal Federal, em cadeia nacional de rádio e televisão, o falecimento do Constitucionalismo Brasileiro.